Visitante é flagrada ao tentar adentrar com aparelho celular na Unidade Prisional de Porangatu

A direção do presídio vai abrir procedimento administrativo para apuração da ocorrência, em conformidade com a legislação

451

Servidores da Unidade Prisional (UP) de Porangatu evitaram a entrada de um aparelho celular no presídio, nesta quinta-feira, 12/12, em dia de visita de familiares à população carcerária local. O material estava escondido nas partes íntimas da companheira de um dos detentos da UP, o qual encontra-se custodiado com base no artigo 157 (roubo) do Código Penal Brasileiro (CPB).

Como conta a direção da unidade, o flagrante ocorreu após várias detecções terem sido realizadas pelo aparelho de scanner corporal instalado na UP, que emitiu sinais de alerta sobre presença de ilícitos junto à visitante. A mulher foi encaminhada ao Hospital Municipal, onde passou por exame de raio-x, que constatou a presença do eletrônico.

O material apreendido e a mulher foram encaminhados à Polícia Civil para as providências necessárias. A direção da UP vai abrir procedimento administrativo para apuração da ocorrência e aplicação das sanções disciplinares cabíveis ao possível destinatário do aparelho, em conformidade com a legislação.

A Unidade Prisional de Porangatu integra a 5ª Coordenação Regional Prisional da Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP).

A apreensão realizada na unidade resulta do trabalho que vem sendo desenvolvido pelos servidores da DGAP, em cumprimento às determinações do governador Ronaldo Caiado para ampliação da segurança nas unidades prisionais de todo o Estado.

Fotos: DGAP

Comunicação Setorial
Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP)
(62)3201-4726