Servidores interceptam arremessos de ilícitos na UPR de Niquelândia

Os objetos interceptados estão à disposição das autoridades policiais competentes para os fins adequados

44

 

Servidores da Unidade Prisional Regional (UPR) de Niquelândia interceptaram o arremesso de carregadores de celulares e porções de substâncias análogas à maconha e à cocaína, nessa terça-feira, 15/09. O suspeito de realizar o lançamento por cima do muro do presídio conseguiu fugir do local sem ser identificado.

Diante dos fatos, a direção do ambiente prisional pertencente à 7ª Coordenação Prisional Regional da Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP), instaurou procedimentos administrativos internos para apuração e aplicação das sanções disciplinares aos detentos destinatários dos materiais, conforme determina a Lei de Execução Penal (LEP).

Os materiais interceptados estão à disposição das autoridades policiais competentes para os fins adequados, na forma da lei.

A ação realizada pelos servidores vai ao encontro das diretrizes estabelecidas pelo Governo do Estado em consonância com a Secretaria de Segurança Pública (SSP) e a DGAP.

Foto: DGAP
Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP).
Comunicação Setorial