Servidores interceptam a entrada de drogas na UPR de Niquelânia

Diante do flagrante, a mulher responsável pela entrega dos ilícitos foi encaminhada à Delegacia de Polícia Civil do município para as providências necessárias

46

 

Servidores da Unidade Regional Prisional (UPR) de Niquelândia, pertencente à 7ª Coordenação Regional Prisional da Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP), evitaram a entrada de substância análoga à maconha e comprimidos composto por substância psicotrópica, no presídio, nesta sexta-feira, 26/06. Os materiais foram encontrados após revista minuciosa nos produtos de limpeza deixados pela mãe de um detento do local.

Diante do ocorrido, a mulher de 41 anos foi conduzida à Delegacia de Polícia Civil do município, onde foi lavrado o auto de prisão em flagrante. As drogas apreendidas estão à disposição das autoridades policiais competentes para os devidos fins que o caso requer.

Procedimentos administrativos internos foram abertos para apuração do fato e aplicação das sanções disciplinares ao custodiado destinatário dos entorpecentes, conforme determina a Lei de Execução Penal (LEP).

O rigor nos procedimentos realizados pelos servidores da UPR vai ao encontro do conjunto de medidas estabelecidas pelo Governo do Estado em consonância com a Secretaria de Segurança Pública e a DGAP.

Fotos:DGAP
Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP)
Comunicação Setorial