Servidores evitam a entrada de ilícitos na Unidade Prisional de Itapuranga

Carregadores para os eletrônicos, um smartwatch, quatro celular e um chips de operadora foram arremessados em direção ao telhado do presídio

507

 

Servidores da Unidade Prisional (UP) de Itapuranga evitaram a entrada de carregadores, um smartwatch, quatro celulares e um chip de operadora no presídio, na tarde desta sexta-feira, 27/12. Os objetos foram arremessados de fora do presídio em direção ao telhado do local.

De acordo com a direção da UP, que integra a 2ª Coordenação Regional Prisional da Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP), agentes plantonistas suspeitaram da movimentação diferente dos detentos, instantes em que recorreram ao auxilio da monitoração por câmera lá instaladas na unidade e avistaram os custodiados tentando ter acesso aos materiais ilicitos.

De imediato, os servidores pegaram o pacote arremessado antes que este chegasse a destinação final. Não foi possível identificar o responsável pelo arremesso. Os objetos estão à disposição das autoridades competentes para os devidos fins.

Procedimentos administrativos internos foram abertos para apuração do fato e, após averiguações, serão aplicadas aos destinatários dos ilícito as sanções disciplinares cabíveis em conformidade com a Lei de Execução Penal (LEP).

A interceptação é resultado da aplicação de medidas propostas pelo Governo do Estado em consonância com a DGAP para garantir o aumento da segurança nas 114 unidades prisionais goianas.

Fotos:DGAP
Comunicação Setorial
Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP)
(62)3201-4726