Servidores evitam a entrada de drogas na UPR de Anápolis

Os entorpecentes foram arremessados por cima do muro do presídio em direção ao pátio do estabelecimento

162

Servidores plantonistas da Unidade Prisional Regional (UPR) de Anápolis evitaram a entrada de quatro porções de substância análoga a maconha no presídio, na manhã desta segunda-feira, 17/02. Cerca de 265 gramas da substância foram arremessados por cima do muro do local em direção ao pátio do estabelecimento.

De acordo com a administração da UPR que integra à 1ª Coordenação Regional Prisional da Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP), a intercepção ocorreu no momento em que o pacote estava sendo arremessado, antes que o material ilícito chegasse à destinação final.

Diante da situação, a direção abriu procedimentos administrativos internos para apuração do fato. Os entorpecentes estão à disposição das autoridades competentes para os devidos fins.

A ação rápida dos servidores na interceptação é resultado da aplicação de um conjunto de medidas estabelecidas pelo Governo de Goiás em consonância com a DGAP, para aumentar a segurança em ambientes prisionais em Goiás.

Foto: DGAP

Comunicação Setorial
Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP)
(62)3201-4726