Na Unidade Prisional Regional de Caldas Novas, servidores frustram a entrada de droga nesta manhã

Suspeito, que estava fora da unidade, evadiu-se do local ao perceber a presenças dos policiais penais; substância apreendida foi colocada à disposição da Polícia Civil

180

Servidores da Unidade Prisional Regional (UPR) de Caldas Novas frustraram a entrada de 112g de substância entorpecente (aparentemente maconha), no presídio, na manhã desta segunda-feira, 17/02. A interceptação ocorreu momentos depois que um dos plantonistas da UPR percebeu movimentação suspeita de um homem na parte externa ao estabelecimento penal. O material estava envolvido em um pacote e foi encontrado no chão, próximo ao muro do local.

De acordo com a direção da unidade, ao verificarem a situação suspeita, os servidores se deslocaram para o lado de fora da unidade, à procura do indivíduo que estava nas proximidades da UPR. O homem evadiu-se do local, ao perceber a presença dos policiais penais.

O material encontrado foi repassado à Polícia Civil para as devidas providências. Um procedimento administrativo foi aberto pela direção da unidade para apuração do fato.

A UPR de Caldas Novas integra a 4ª Coordenação Regional Prisional da Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP).

As interceptações de materiais ilícitos ao ambiente do cárcere realizadas pelos servidores penitenciárias vão ao encontro das diretrizes do Governo de Goiás para manutenção da segurança nas unidades prisionais do Estado.

Fotos: DGAP

Comunicação Setorial
Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP)
(62)3201-4726