Na Unidade Prisional Estadual de Anápolis, servidores interceptam a entrada de celulares nesta quinta-feira, 13/02

Eletrônicos estavam dentro de uma TV que seria entregue a um dos detentos do local; materiais foram colocados à disposição da Polícia Civil

282

Servidores da Unidade Prisional Estadual (UPE) de Anápolis evitaram a entrada de três aparelhos celulares no estabelecimento penal, nesta quinta-feira, 13/02. Os eletrônicos estavam escondidos dentro de um aparelho de TV levado por um homem ao local para ser entregue ao enteado, que cumpre pena na unidade.

De acordo com a direção da UPE, o flagrante ocorreu durante o procedimento de revista ao televisor, quando foi dada, de imediato, voz de prisão ao autor da tentativa de repasse dos materiais ilícitos ao cárcere. Ainda de acordo com a direção, os servidores realizaram uma busca à procura de ilícitos no veículo do homem envolvido no fato, onde foi encontrada uma faca.

Um procedimento administrativo foi aberto pela administração do estabelecimento penal para apuração do caso, identificação e aplicação de sanção disciplinar ao destinatário dos celulares, como determina a Lei de Execução Penal (LEP). Os materiais apreendidos e o homem foram encaminhados à Polícia Civil para que fossem tomadas as providências legais cabíveis.

A UPE de Anápolis integra a 9ª Coordenação Regional Prisional da Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP).

O rigor empregado nos procedimentos de revista realizados pelos servidores penitenciários vai ao encontro do princípio da eficiência da Administração Pública e coaduna com as diretrizes do Governo de Goiás para manutenção da segurança nas unidades prisionais do Estado, sob gestão da DGAP.

Fotos: DGAP

Comunicação Setorial
Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP)
(62)3201-4726