Construção de novas celas na Unidade Prisional de Mineiros entra na fase de reboco das paredes internas

Obras acontecem na parte interna das novas celas que, ao final da construção, vão resultar em mais 216 vagas para o sistema prisional. Os serviços são prestados pelos detentos do local

42

Nessa semana, a Unidade Prisional Regional (UPR) de Mineiros começou uma nova etapa nas obras do local. Foi iniciado o processo de reboco das paredes na parte interna das celas. O serviço, que envolve a construção de dezoito novas celas nos fundos do atual presídio, é feito com a mão de obra de 24 detentos do estabelecimento penitenciário.

As novas instalações vão garantir o crescimento em 216 vagas para o sistema prisional goiano. Além do desenvolvimento estrutural, as obras também atendem a política de ressocialização, uma vez que os detentos desempenham trabalhos em funções específicas e, por meio disso, adquirem aprendizados profissionais que podem ser aplicados futuramente.

Os custodiados envolvidos nas atividades de ressocialização ficam em uma ala separada, chamada Módulo de Respeito. Segundo o diretor da unidade, a criação desta área exclusiva para eles impede que haja tentativa de entrada de materiais ilícitos, utilizados durante a obra, dentro da unidade prisional.

Diretoria Geral de Administração Penitenciária
Comunicação Setorial