Com foco na ressocialização, UPR de Caldas Novas realiza ações com a mão de obra carcerária local

114

Com foco na ressocialização, a Unidade Prisional Regional (UPR) de Caldas Novas realiza ações com a mão de obra carcerária local. As atividades oferecidas pelo presídio, pertencente à 4ª Coordenação Prisional da Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP), resultou na restauração e pintura de portas da sede da Polícia Técnico Cientifica da região, além da confecção de abafadores para prevenção de incêndios em zonas rurais do município, para o trabalho dos bombeiros.  De acordo com a direção do ambiente prisional, seis custodiados executaram os trabalhos na sede da força policial coirmã.

Produção de abafadores

Em parceria com o Corpo de Bombeiros Militar de Caldas Novas, a unidade prisional confeccionou 30 abafadores de incêndio, nessa sexta-feira, 07/08. Os itens produzidos por quatro custodiados do presídio utilizados no combate a incêndios nas zonas rurais do município. Até o momento 80 abafadores foram produzidos na UPR.

Segundo a direção do presídio, para a confecção dos itens, foi disponibilizado cursos de capacitação e aperfeiçoamento, deste modo garantindo a boa qualidade dos objetos, além de uma nova profissão para o próprio sustento após o final do cumprimento da pena.  Os detentos que trabalham nas ações de ressocialização serão beneficiados com a remição da pena por tempo de trabalho conforme normativas da Lei de Execução Penal (LEP).

A ressocialização proposta pelo presídio executa determinações estabelecidas pelo Governo do Estado em consonância com a Secretaria de Segurança Pública e a DGAP.

Fotos: DGAP

Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP)
Comunicação Setorial