Ágil ação de servidores evita a entrada de ilícitos no presídio de Jataí

Porções de drogas seriam arremessadas por cima do muro da unidade prisional

46

Servidores plantonistas da Unidade Prisional Regional (UPR) de Jataí evitaram, nessa quarta-feira (24/11), que detentos do local tivessem acesso a 997 porções de drogas. Foram apreendidos cerca de três quilos de substância análoga à maconha e dez gramas de substância parecida com o crack.

Segundo a 6ª Coordenação Regional Prisional (CRP) da Diretoria-Geral de Administração Penitenciária (DGAP), a direção do presídio abriu procedimento administrativo interno para apuração do ocorrido e aplicação das sanções disciplinares aos presos destinatários dos ilícitos, conforme determina a Lei de Execução Penal (LEP).

Os materiais interceptados foram colocados à disposição das autoridades policiais competentes para os devidos fins e investigação criminal. Os entorpecentes seriam arremessados por cima do muro por dois indivíduos que conseguiram fugir por uma área de preservação ambiental, localizada nas proximidades do presídio. Eles não foram identificados.

A ação é mais uma evidência do comprometimento dos servidores penitenciários com as diretrizes estabelecidas pelo Governo do Estado, em consonância com a Secretaria de Segurança Pública e a DGAP, para garantir o cumprimento da lei dentro e fora dos presídios.

Foto: DGAP

Diretoria-Geral de Administração Penitenciária – DGAP
Comunicação Setorial